[Ubuntu-BR] [OFF-TOPIC] De quem é a culpa?

João Santana joao.abo.santana em gmail.com
Domingo Março 1 16:20:42 UTC 2009


2009/3/1 Tiago Branquinho Oliveira <tbranquinho em hotmail.com>:
>
> Corrigindo: onde está escrito farmacocinética leia-se farmacognosia.
>
> Mas o uso de flor de laranjeira está ainda nos estudos etnobotânicos, mas pode ser que a parte fitoquímica possa ter mostrado indício de sua ação em sua prospecção.
>
> Bem cada um é bom em alguma coisa né!?
>
> Mas se precisar de maiores informações sobre o assunto acima é só dar uma googlada.

0.0

É isso aí. E me desculpe pelo erro científico... :P

>
>
>
> (desculpe p flood)

Ajuda  a relaxar.

João.

>
>
>
>> Date: Sun, 1 Mar 2009 09:40:37 -0300
>> From: joao.abo.santana em gmail.com
>> To: ubuntu-br em lists.ubuntu.com
>> Subject: Re: [Ubuntu-BR] [OFF-TOPIC] De quem é a culpa?
>>
>> Em 28/02/09, Peter Parker<peter.parker.br em gmail.com> escreveu:
>> > 2009/2/28 João Santana <joao.abo.santana em gmail.com>:
>> >>
>> >> Todo mundo arranja tempo para tudo, por que não para desenrolar seus
>> >> proprios carretéis?
>> >>
>> >
>> > Prioridades amigo...
>>
>> Você não é o único a ter prioridades. Ou você acha que a equipe de
>> desenvolvedores que mantém árvore do kernel também não tem
>> prioridades? A questão aqui é saber organizar o tempo.
>>
>> >
>> >>
>> >> Conversa para boi dormir. É verdade que o paradigma proprietário ainda
>> >> atrapalha o desenvolvimento de controladores para hardware no Linux,
>> >> mas se isso fosse o problema majoritário não teríamos controladores
>> >> para nada! Antes mesmo de as empresas fabricantes de hardware
>> >> começarem a abrir suas especificações a comunidade já desenrolava a
>> >> criação de controladores.
>> >>
>> >
>> > Tem razão quanto ao desenvolvimento da comunidade, mas você mesmo
>> > reconhece que os fabricantes dificultam. Veja o trabalho do Kurumin,
>> > quando ainda existia, ele instalava vários winmodems em uso
>> > basicamente no Brasil devido o empenho do Morimoto. O número de
>> > desenvolvedores envolvidos em fazer funcionar periféricos só em uso em
>> > países atrasados é muito pequeno.
>>
>> Claro que reconheço, mas dizer que ele é o limitante é a mesma coisa
>> que dizer que o Ubuntu só não bateu o Windows porque sua cor de
>> desktop é marrom.
>>
>> >
>> >>
>> >> Concordo, mas não adianta reclamar apenas. Propor soluções é o mais
>> >> importante.
>> >>
>> >
>> > Ok, somente como aprendizado, vamos supor que eu tenha que aprender
>> > c/c++ e opções de compiladores e depois ainda tentar decifrar um
>> > código que para mim é ininteligível no momento. Ok, quando estiver
>> > apto a encontrar a solução, nem tenho mais o problema pois troquei de
>> > micro. A filosofia é linda, mas a implementação é fogo. Lembrem-se que
>> > nem todos gostam de computadores, querem apenas utilizá-los. Como
>> > posso propor soluções? Não tiro o mérito de quem soluciona os
>> > problemas, mas negar o papel do usuário comum no desenvolvimento do SO
>> > é tão irritante quanto rebaixar o gari que mantém as ruas que pessoas
>> > com alta formação sujam, ou seja, formação sem educação. Todos somos
>> > importantes.
>>
>> Você não é obrigado a ser programador para sugerir mudanças. Eu não
>> sou (sou biblioteconomista) e relato bugs. Na maioria das vezes relato
>> errado e levo um cala-boca de algum desenvolvedor; por causa disso vou
>> dizer que o sistema de relatórios é ruim?
>>
>> E em momento algum eu sugeri ou li alguém sugerir que o usuário
>> não-técnico é inoportuno para o desenvolvimento do Ubuntu. O que se
>> reclama é a falta de vontade em querer aprender. Se a página diz que a
>> lista fornece ajuda, isto é ajuda, não suporte. Ninguém é obrigado a
>> ajudar quem não quer se ajudar, e quem quer se ajudar procura outras
>> formas de obter ajuda que não apenas a lista -- por que não instala o
>> X-Chat e entra no #ubuntu-br? Ah, não sabe instalar programa? A
>> própria ajuda interna do Ubuntu ensina a instalar programas, instalar
>> o X-Chat e conectar a um servidor de IRC. Se o usuário procurar, ele
>> vai encontrar. Mas como disse em outro e-mail, nossa sociedade é
>> pragmática e imediatista. Quando o sujeito não muda o pensamento, não
>> adianta -- ele não saberá se virar.
>>
>> >
>> >>
>> >> Quer que sua placa funcione nativamente no Ubuntu? Experimente enviar
>> >> sua sugestão na forma de blueprint no Launchpad, ou no Ubuntu
>> >> Brainstorm. Você não precisa ser um kernel hacker para enviar
>> >> sugestões, basta apenas escrever. E se o inglês é um problema, peça a
>> >> ajuda de alguém que possa traduzir para você.
>> >>
>> >
>> > Nativamente ela já funciona, mas tenho que recompilar driver a cada
>> > novo kernel instalado. Isso não é feito automaticamente no ubuntu,
>> > somente no mandriva até onde eu vi, e usando o dkms, que já é recurso
>> > no intrepid, por isso acho que deverá vir funcionado no 9.04. O
>> > problema já é conhecido e não vejo porque incomodar duplicando
>> > sugestões e relatos de bugs. Mas isso não é o assunto do tópico e não
>> > deve ser discutido aqui, foi só um exemplo.
>>
>> Caso você não saiba, o Launchpad funciona, para resolução de bugs,
>> como uma reclamocracia -- quanto mais a comunidade reclama sobre um
>> erro, mais rápido ele é resolvido. Então, reclame...! Marque o ícone
>> de This bug affects me too e deixe um comentário, mesmo um same here,
>> e os contatos serão informados que +1 usuário tá puto com aquele erro.
>> E nem precisa duplicar erros.
>>
>> >
>> >>
>> >> Repito, apontar o erro é fácil, buscar uma solução é que são elas.
>> >>
>> >
>> > Ok, gostaria muito de acreditar que posso sintetizar uma droga para
>> > curar uma doença, mas com o meu conhecimento atual, até eu aprender o
>> > básico, alguém que já estudou terá feito. No mundo não dá pra se saber
>> > tudo, por isso é cada um no seu quadrado...
>>
>> Você não precisa estudar farmacocinética para saber que chá de flor de
>> laranjeira é um calmante natural. Você não precisa estudar direito
>> para saber que estelionato é passível de punição penal. Você não
>> precisa saber programação para relatar um bug. Você não precisa saber
>> design para instalar algumas melhorias visuais no seu desktop. Mas
>> você pode sugerir.
>>
>> >
>> >>
>> >> Faz bem. E se não vier resolvido (minha placa RTL8187B tem suporte
>> >> nativo no kernel do Intrepid e continua uma droga), procure resolver
>> >> por si, e não esperar o bolo pronto.
>> >>
>> >
>> > Continuo afirmando, é cada um no seu quadrado, mas não acho que me
>> > meter no quadrado de vocês vai melhorar muita coisa, precisamos é de
>> > nos unir e o máximo que posso fazer é não criticar vocês e vocês não
>> > nos criticarem. Tenho gostos e afinidades diferentes e se você pode
>> > fazer, não quer dizer que eu tenho que fazer, o que seria do mundo se
>> > todos fossemos médicos, dentistas, engenheiros, quando precisaríamos
>> > uns dos outros?
>>
>> Que quadrado de vocês? Isto não é briguinha de ruas... Ninguém pode
>> ficar eternamente dependendo da boa-vontade dos outros para resolver
>> seus problemas, e o que se tenta fazer é mostrar que cada um deve
>> buscar fazê-lo tendo o apoio da comunidade ou não! De outra forma,
>> qualquer experiência com Linux ou qualquer outro SO que não seja o de
>> Redmond vai ser frustrante.
>>
>> E só para nota, quando eu comecei a relatar erros, não sabia como se
>> fazia, nem achava de deveria fazê-lo, justamente por não ser
>> programador (sou bibliotecário, cuido de livros, e não de linhas de
>> código). Só depois de conversar com alguns membros de Bug Squads vi
>> que poderia sim ajudar a relatar erros.
>>
>> >
>> > T+
>>
>> Inté.
>>
>> >
>> > --
>> > Mais sobre o Ubuntu em português: http://www.ubuntu-br.org/comece
>> >
>> > Lista de discussão Ubuntu Brasil
>> > Histórico, descadastramento e outras opções:
>> > https://lists.ubuntu.com/mailman/listinfo/ubuntu-br
>> >
>>
>>
>> --
>> ==========
>> Cibertecário: Doses Homeopáticas de Ciência da Informação e Software
>> Livre - http://cibertecario.wordpress.com
>>
>> --
>> Mais sobre o Ubuntu em português: http://www.ubuntu-br.org/comece
>>
>> Lista de discussão Ubuntu Brasil
>> Histórico, descadastramento e outras opções:
>> https://lists.ubuntu.com/mailman/listinfo/ubuntu-br
>
> _________________________________________________________________
> Conheça o Windows Live Spaces, a rede de relacionamentos do Messenger!
> http://www.amigosdomessenger.com.br/
> --
> Mais sobre o Ubuntu em português: http://www.ubuntu-br.org/comece
>
> Lista de discussão Ubuntu Brasil
> Histórico, descadastramento e outras opções:
> https://lists.ubuntu.com/mailman/listinfo/ubuntu-br
>



-- 
==========
Cibertecário: Doses Homeopáticas de Ciência da Informação e Software
Livre - http://cibertecario.wordpress.com




More information about the ubuntu-br mailing list