[Ubuntu-BR] OpenOffice e Fontes Ruins

José Geraldo Gouvêa jggouvea em gmail.com
Quarta Abril 12 23:55:05 UTC 2006


Está é uma história que aconteceu comigo, estou compartilhando com vocês
para tentar achar alguma luz.

Estou usando o OpenOffice 2.0.2 que eu baixei (já em debs) do
http://oootranslations.openoffice.org e estava tudo muito bem até ontem
à tarde. Minha distribuição é Breezy, com o kubuntu-desktop instalado.
Até ontem tudo ia bem.

De repente o meu OpenOffice não iniciava mais. Ele morria antes de
sequer tentar começar a carregar algum arquivo e aparece aquela janela
de recuperação EM GTK (parece que nem iniciar as bibliotecas do oo.org
está sendo possível).

Comecei a tentar descobrir onde estava o problema. Entre as modificações
que fiz no sistema recentemente estavam a desinstalação e a instalação
de algumas fontes (inclusive do pacote ttf-bitstream-vera, que eu acho
supérfluo para quem já tem ttf-dejavu) e rodar certos programas com o
wine.

Uma vez que o OO não tem debug e nem opção --verbose na linha de
comando, não tenho nem por onde começar a tentar adivinhar o problema.

Talvez nem esteja relacionado, mas havia uma boa quantidade de programas
que também não iniciam mais --- em sua maioria programas do Gnome (estou
usando Kubuntu).

Primeiro eu movi o diretório de Inicialização do OO de .openoffice.org2
para openoffice. O problema persistiu. Depois eu movi de volta para o
lugar e nada resolveu. Hoje, de cabeça mais fresca, continuei com a
idéia martelando na minha cabeça de que alguma fonte seria culpada por
isso.

Movi o diretório .fonts para qualquer_coisa e dessa vez o OO entrou, mas
todas as minhas configurações pessoais se perderam! :-( Mas paciência,
estou acostumado com isso desde que comecei a mexer com OO: qualquer
estrilo e logo, TODAS AS CONFIGURAÇÕES PESSOAIS SE PERDEM, mesmo o
diretório estando intacto. Eu até já acho que isso não seja "bug", mas
"feature" do OO.

Movi de volta qualquer_coisa para .fonts e de novo o OO entalou. 

Abri então o kfontinst e removi todas as fontes MSttcorefonts que, por
uma distração minha estavam duplicadas em ~/.fonts e
em /usr/share/fonts/truetype/msttcorefonts (removi as do home, lógico).

Ainda assim não funcionou o OO.

A questão é: não estou disposto a ir descartando fontes até finalmente o
OO voltar a funcionar. Tenho certeza de que há uma entre as 250 fontes
de meu ~/.fonts que está corrompida ou que contém algum código
malicioso. Existe alguma maneira de testá-las com o freetype sem ter que
desinstalar?
-- 
José Geraldo Gouvêa <jggouvea em gmail.com>





More information about the ubuntu-br mailing list